Translate / Traduza

terça-feira, 31 de março de 2015

O Convite de João Batista



            Quando João Batista batizava os fiéis, ele foi questionado:
            - Quem és tu, por acaso é JESUS? Por acaso é ELIAS ou algum profeta? Mas logo respondeu que não... Ele era a voz que clama no deserto e aquele que estava apenas preparando o povo para vinda de CRISTO.
            Quantas vezes você já foi questionado por alguém por esta pregando o evangelho:
            - Ora, ora! Você falando de DEUS. - E zombando, riem de sua Fé. - Você não é aquele que vivia nos bares,ruas e avenidas da vida, virando a noite sabe se lá fazendo o quê?
            Ou: - Olha só quem fala de Jesus! Já viu as coisas na casa dele como andam, a família toda desconcertada. 
            Mas se você prestar a atenção nessa mensagem de João saberá dar a resposta certa, pois João havia sido encarregado de pregar as boas novas, preparar o terreno como nos costumamos dizer. Você está aqui hoje porque um dia recebeu um convite para participar da boas novas e um dia poderá entra no grande salão pela porta da frente onde estará sendo servido um grande banquete e o nosso anfitrião será CRISTO.
Mas assim como João Batista recebeu o convite e o distribuiu você também recebeu uma cota de convite seja ela um, dois ou milhares de milhares e está encarregado de distribuir. Mas se você resolve guardá-los,   imagine quando entrar no grande salão e o ANFITRIÃO lhe perguntar:
            - Cadê os convidados que você ficou de trazer, por que sua mala continua cheia? Nenhum convite foi entregue.  Por quê?
            Não importa quem você foi,o importante é o que você tem feito com aquilo que recebeu DELE.



Leia mais em JOÃO cap. 1 vers. 15...amém que DEUS nos abençoe.

segunda-feira, 30 de março de 2015

Você Louva ao Senhor?




 Você precisa Louvar a Deus



O que é Louvor?

            É comum em nossos dias as pessoas dizerem que Deus habita  no meio do louvor (Salmo 22.3) e passam horas cantando. Não é proibido cantar. Diz a Bíblia que os anjos cantam no seu - Glória e eles sim louvam ao Senhor, uma vez que Louvor é uma palavra que vem do latim, LAUDARE, no sentido de elogiar, com raiz em LAUS, que significa elogio, fama e glória. Então os anjos louvam.Assim, louvar é elogiar a alguém, dar-lhe as devidas glorias e exaltar sua fama.
         Agora sabemos que Louvar é dar glórias, sobra mais uma pergunta: - Nós, louvamos ao Senhor?

Quem de fato louva?

            Para responder esta pergunta voltemos à Bíblia. Segundo Efésios 1, nós louvamos a Deus quando o aceitamos e nos adequamos à sua vontade: "Nele, digo, em quem também fomos feitos herança, havendo sido predestinados, conforme o propósito daquele que faz todas as coisas, segundo o conselho da sua vontade;" sendo assim, continua o escritor: Com o fim de sermos para louvor da sua glória, nós os que primeiro esperamos em Cristo;'' e não só estes, continua ele dizendo: "[...] também vós estais, depois que ouvistes a palavra da verdade, o evangelho da vossa salvação; e, tendo nele também crido, fostes selados com o Espírito Santo da promessa." Selo este que "é o penhor da nossa herança, para redenção da possessão adquirida, para louvor da sua glória". Bem, por aí vemos que muito do que se diz ser louvor hoje não é. E percebemos também que todos nós que aceitamos ao Senhor o louvamos, quando seguimos seu propósito.

E como deve ser este Louvor?

            A resposta à esta nova pergunta encontramos no Livro de João: "Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade" (João 4:24). Aleluias! Que Deus receba sempre nossa glorificação! Sendo Ele Espírito, conhece nossas verdadeiras intenções. E se entendemos que só Ele merece toda honra e Glória, devemos obedecer ao salmista que nos adverte quanto a isso: "Dai ao Senhor a glória devida ao seu nome, adorai o Senhor na beleza da santidade  (Salmo 29:2) e é bom nos lembrarmos que de Louvor os salmistas entendiam. O livro dos Salmos está repleto de método de louvor: Clamor, reconhecimento da pequenez do homem, reconhecimento da grandeza de Deus, agradecimento pelo socorro recebido e glorificação.  
            Aquele irmãozinho que não decora uma linha da música nova do grupo, o desafinado, o que não tem voz, o mudo, o tímido, todos eles  podem louvar ao Senhor e de uma maneira maravilhosa: Através de seu espírito, de suas atitudes.
            Diz a Bíblia que glorificamos a Deus quando erguemos nossa mão em ajuda ao necessitado e se glorificar é dar louvor ao Senhor, amar ao próximo é uma forma de Louvar ao Senhor, veja o que nos ensina o Provérbio 14:31: " O que oprime o pobre insulta àquele que o criou, mas o que se compadece do necessitado O honra. Assim, quando estendemos nossa mão ao necessitado, que é um ser criado por Deus, estamos louvando ao Seu santo nome. A necessidade humana não foi criada por Deus, os homens as criam com seus pacotes políticos, com o enriquecimento ilícitos e toda somatória de desordem social que promove, mas os que estendem a mão e salva da miséria um pobre, restituindo-lhe a honra e os sonhos, louva a Deus, que criou os homens.
            Que cada um de nós possa Louvar ao Senhor, glorificando-O pois só Ele é merecedor e que durante este processo não tiramos do pobre o que ele não possui, antes, erguemos nossos braços em favor de cada um dos que precisam de amor e cuidados.

domingo, 29 de março de 2015

Editorial

       
    Esta semana foi maravilhosa! Não há vento que não passe quando Deus está no Barco de nossas vida e conduz os nossos caminhos pelo bravio mar. Todos com saúde, apesar da tristeza de nossa irmã Clara, de luto recente, como já dissemos na Semana passada, mas lutando e seguindo adiante, como é seu costume.
             Para falar de nossas Igrejas, nada como agradecer nossos colaboradores que preferem continuar anônimos, mas que estão sempre apoiando nosso trabalho. A Eles, nosso muito obrigada, a Igreja Casa de Oração agradece cada um de seus esforços e espera que o pagamento venha do Senhor, pois cremos que esses esforços foram a Ele dedicados.
            Quanto às Mensagens que passaram por aqui esta Semana, vamos começar pelo fim. Tivemos no Sábado uma Releitura, lembramos do que de fato é a  Casa de Deus, com nosso Pastor Sergio Silveira, mais uma vez somos chamados à responsabilidade e cobrados para que nos lembremos que nós somos Templos do Espírito Santo, a Morada do Altíssimo.  Grandiosa Mensagem que fala aos nossos corações de forma maravilhosa. Nosso desejo para todos os dias de nossas vidas é sermos sempre Casa de Deus, lugar onde o oprimido possa encontrar abrigo e Deus possa fazer morada permanente. Que como os discípulos, no Caminho de Emaús, possamos dizer: "Fica Senhor, já se faz tarde".
         Na sexta-Feira mais um Alerta: O Inimigo em Casa. Uma reflexão que passou sema assinatura do Pastor  Sergio, mas é sua, uma alerta que ele sempre nos faz: Nosso maior inimigo  são nossos desejos, somos destruídos por eles, pois por não temermos, permitimos que ele alcance nossa Fé a corroa. Maravilhosa esta Mensagem! Uma mensagem para todos os momentos de nossa caminhada por aqui, afinal, ''ao darmos lugar para nossos temores, estamos hospedando aquele inimigo que irá minar nossa confiança e vencer-nos em nossas próprias fraquezas, simplesmente por estarmos lidando com alguém que conhece nossos pontos fracos''.
         Na Quinta-Feira o assunto foi sobre a Importância das Provações em nossas vidas. Para que servem as provas é uma pergunta que roda o imaginário geral. Mas o Senhor nos permite caminharmos por lugares difícil, como as mães permitem os dificultosos passos na primeira infância. Para nós as dificuldades são enormes, mas o Senhor sabe quão pequenas elas são e como  são importantes para nosso crescimento. É difícil sim aceitar esta verdade, mas ela é fundamental ao nosso desenvolvimento.
         Na Quarta- Feira o assunto foi mais voltado para as reclamações de Falsidade que vemos na vida real e nas redes sociais. Sempre tem alguém reclamando da Falsidade alheia, mas será que nós também não somos Duas Caras? Uma Palavra forte, tanto no aspecto social, quando nos deixamos levar pela oportunidade e acabamos falando algo ruim de alguém que não está por perto, como espiritual, quando deixamos de crer na Palavra e nos ligamos aos falsos profetas por eles trazerem um discurso que agrada nosso Orgulho e amacia nosso Ego. Grande perigo ter duas caras espiritual, pois o fim é trágico.

         E na Terça-Feira falamos sobre a Solidão comum nos dias de sofrimento e, falando sobre o Fim da Noite, abordamos os momentos em que nossas dificuldades parecem nos sufocar, mas depois da noite triste a manhã costuma trazer a  alegria, como disse o salmista ao lembrar que o choro pode durar sim uma noite, mas se somos esperançosos, entendemos que nem mesmo a noite é eterna. Afinal,  "estar  triste, desanimado e até depressivo em certas situações não é sinal de que estamos derrotados, é apenas a prova de que noites tristes existem para todos, mas ao amanhecer a resposta fiel virá da parte do Senhor''.
         Na Segunda-Feira, o assunto foi O Caráter de Cristo. Mais uma vez fomos chamados a prestar atenção em nossas atitudes.  Lembrando que aqueles que de fato possuem o caráter de Cristo, vive de forma adequada, pois abandonou o pecado, vive conforme a Palavra, trás Luz ao Mundo, não se corrompe, não é egoísta e vive para a glória de Deus. Entende que Jesus viveu assim, de acordo com os planos de Deus para sua vida, mesmo sendo filho de Deus, viveu como servo e cumpriu seu ministério pessoal até o fim.
       Vamos ficando por aqui e esperando que sua vida seja sempre abençoada por Deus através de nossas vidas e das Mensagens postadas por aqui. 

Abraços manauara
Elisabeth Lorena Alves

sábado, 28 de março de 2015

Casa de Deus [Pastor Sérgio Silveira]

“Examinai-vos a vós mesmos se permaneceis na fé; provai-vos a vós mesmos. Ou não sabeis quanto a vós mesmos, que Jesus Cristo está em vós? Se não é que já estais reprovados.Mas espero que entendereis que nós não somos reprovados.”(II Co 13:5-6)

Estamos tão preocupados em irmos à Igreja e esquecemos que devemos ser a Igreja.
Quando observamos bem o Templo construído por Salomão, um desejo de seu pai, Davi, vemos que apesar de ser construído para ser considerado Casa de Deus, ficou conhecido como Templo de Salomão e talvez esta seja a prova mais clara que Deus não está em templos. Isto se não nos lembrarmos de Atos 7-48, que fala claramente que Deus não habita em Casa feita por homens.
E onde Deus habita?
Deus, mesmo tendo todos estes lugares no mundo, escolheu viver em nós, fazer morada em seres imperfeitos, mesmo sendo Ele perfeito.
Muitos que não acreditam no Senhor ou querem menosprezar sua Grandeza, questiona esta possibilidade, mas por não quererem reconhecer que o que Deus quer do homem é uma relação de amor e com isto, deseja habitar entre os homens. Deus não quer estar afastado de nós, Ele deseja que sejamos seus amigos e um amigo tem morada garantida em nosso coração.
Se permitimos que as outras pessoas vivam em nosso coração, por qual motivo não compreendemos que é desta mesma forma que o Senhor quer habitar em nós?
Os templos construídos pelos homens - Templo de Salomão, Tabernáculo de Davi, Tenda de Moisés - nos mostra o verdadeiro distanciamento do Objeto como Moradia de Deus e prova que o interessante é nós sermos Templos do Espírito Santo como está escrito: Ou não sabeis que o vosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos? (1 Coríntios 6:19) . Jesus também deixou claro que somos templos em seu discurso, quando disse, referindo-se a si mesmo, que se o Templo - Seu Corpo - seria destruído e reconstruído em 3 dias, como realmente aconteceu.
Ora, se somos Templos do Espírito Santo,  esta Casa deve ser limpa e arejada  para que este nobre habitante encontre prazer e estar entre nós.

Não permita que os costumes humanos mudem o significado do que você é. Afinal, você é uma Nova Criatura e tornou-se Casa de Deus.
Como Casa de Deus devemos em todo o tempo sermos o canal que redirecionará  as pessoas que chegarem até nós a Deus.
E como faremos isto? Como construiremos outros Templos ao Senhor? Através do Amor, o melhor alimento que podemos oferecer a alguém. Quando amamos o próximo, fazemos com que ele conheça o amor de Deus que está em nós. E o Amor de Deus é sem mácula, não faz acepção de pessoas, não aprisiona o próximo em tolas crendices, mas o apresenta a Verdade, com gentileza, com perdão, com paciência.
Que aprendamos que esta é nossa Missão trazer a Deus pessoas desgarradas, mas fazer isto comum amor inexplicável, pois foi assim que Jesus nos amou. E quando este próximo se aproximar de nós e for alcançado pelo Amor de Deus, através de nós, ele possa sentir-se Igreja entre nós, sendo aceito como o Senhor nos aceitou e acolheu em suas Grandiosas Asas de Fidelidade.
Que encontremos prazer em sermos Casa de Deus.

sexta-feira, 27 de março de 2015

Inimigo em casa

                 
                   Meu maior inimigo.
                   Na verdade nosso maior inimigo é o nosso medo, nosso desejo. Quando nos acovardamos frente alguma dificuldade, dificultamos nosso crescimento e interrompemos nosso aprendizado. E se somos nós mesmos a dificultar nossa caminhada, isto prova que somos nosso próprio inimigo, ele habita não apenas em nossa casa, mas em nosso corpo. Ao darmos lugar para nossos temores, estamos hospedando aquele inimigo que irá minar nossa confiança e vencer-nos em nossas próprias fraquezas, simplesmente por estarmos lidando com alguém que conhece nossos pontos fracos.
                Lidar com os outros pode até ser difícil, mas entendemos de onde vem o perigo, sabemos que algumas pessoas simplesmente não querem nosso bem, ou querem tanto  o seu próprio bem que não importa de ferir outras pessoas, afirmando até que 'no amor e na guerra, valem todas as armas' e sabemos que não é bem assim. MAS quando  inimigo somos nós, lutar contra nossos desejos parece fácil, mas não é, simplesmente por  não haver uma pausa na guerra interna. Ela começa e fica com a pessoa dia e noite e, por este motivo, acaba nos vencendo pelo cansaço. Que possamos descobrir o melhor meio de destruir nossos medos e lutarmos contra nossos medos, nos agarrando na certeza que nenhum mal é maior  que o nosso desejo de vencer.

quinta-feira, 26 de março de 2015

Para que servem as Provas?

               

 Bem-aventurado é o homem que suporta a provação, porque depois de aprovado, receberá a coroa da vida que o Senhor prometeu aos que o amam.(Tiago 1:12 )

           Tem assunto que não dá nem vontade de comentar, mas acabamos nos prestando à este serviço.
           Algumas pessoas questionam o motivo pelo qual Deus permite que existam algumas dificuldades. Bastaria olhar para uma criança que ensaia os primeiros passos debaixo dos olhos da mãe que finge não observar. Ela se faz de cega, mas está pronta a levantar a criança, se ela de fato cair. E sabe por qual motivo a mãe  age assim? Ela age assim pois sabe que a criança consegue e que está pronta. O que impede a criança de firmar os passos é o medo. Quando a criança se livra do medo, troca os passos e segue adiante, quase caindo, procurando o equilíbrio com dificuldade, com receio  evai vencendo seus obstáculos pessoais sozinha. Adquire Confiança.
          Assim acontece conosco. As dificuldades servem para que as ultrapassemos em nosso processo de crescimento, uma vez que as vencemos, adquirimos confiança em nós mesmos e tentamos novos projetos.  Sendo assim, podemos entender que os problemas servem para testar nossa Confiança. Mas eles apresentam outra característica: Tem tempo para acabar. Sim! Por mais difícil que seja uma dificuldade, ela tem tempo para acabar, tem, como diria alguns comerciantes, Prazo de Validade. Quando chegar o tempo certo, ela acaba. Afinal, tudo tem começo, meio e fim.
           Bem, as provas servem para nos fazer mais confiantes, tem tempo para acabar e mais o quê? Elas servem para nos ensinar. Toda prova nos ensina algo novo. Não ao fim, e sim, durante seu processo. Aprendemos quais são nossos limites, aprendemos mais sobre nós mesmos, aprendemos sobre as pessoas que nos cercam e aprendemos confiar mais em Deus.  A Bíblia nos ensina que não devemos perder a Coragem, pois só o homem exterior sofre os desgastes das Provações, mas o homem interior recebe força e está consciente de que as provações são passageiras, trazendo a nós uma recompensa permanente, gloriosa e sólida muito maior que as dores que sentimos quando somos provados. (II Cor 4:16-17)
          Que tenhamos mais confiança em nós mesmos, nas pessoas que nos cercam e em Deus e aprendamos sempre com nossas dificuldades, para que elas sejam sempre passageiras, sabendo que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que ama ao Senhor e são chamados por um propósito, reconhecendo também que muitas de nossas dificuldades tiveram origem em nossos atos, assim arcar com as consequências deles é nossa responsabilidade.
        Que estas palavras criem raízes em nossos corações.

Em Cristo, Elisabeth Lorena Alves

         

         

quarta-feira, 25 de março de 2015

Duas caras

       
Tiago 1:14,15Cada um, porém, é tentado pelo próprio mau desejo, sendo por esse iludido e arrastado. 
           Cuidado com a falsidade. Mas não só a dos outros. Deixe cada um com suas falsidades, afinal, prestar contas à Deus será algo pessoal. Assim, não se reocupe com que os outros podem falar de ti, pelas costas. Preocupe-se com o que você fala dos outros quando eles não estão presentes. Quando você fala o que é nobre  e bom sobre alguém longe dele, suas palavras criam raízes, mas quando você fala  o que não deve elas criam garras. Raízes aprofundam-se na terra e fortifica a árvore, garras são como espinhos que cortam a carne.
            Ser sincero é tão importante que em Êxodo 20, nos Mandamentos dado à Moisés, surge a  advertência: Não dirás falso testemunho contra seu próximo. Em Malaquias (1:14) o profeta afirma que é maldito quem pratica a falsidade. Aqui ele estava falando sobre quem tentava enganar ao Senhor e, embora muitos não perceba, mexer com o próximo é também ferir Deus, que o criou, uma vez que nos é ensinado amar quem está próximo de nós e esta proximidade é referente ao ser humano e não aos amigos que nos rodeiam.
            Em Jeremias 14: 14 há outra representação de falsidade. Os falsos profetas. Fica claro ali que existem homens que determinam bênçãos quando Deus não abençoou,  falando coisas de si, ilusões de sua própria mente, diz a Palavra de Deus. E vale lembrar que no Novo Testamento Jesus nos advertiu sobre estes (Mateus 24:11) e ainda mais, disse que surgiriam muitos.
           Já em Gálatas (6:3) aparece a pior das falsidades. O homem que engana a si mesmo. A pessoa que julga ser algo especial e não é, diz a Palavra, engana a si mesmo. E que miserável se é, agindo assim.
          Não importa que tipo de Duas Caras uma pessoa é, ela não é digna de confiança. E por este motivo devemos conhecer estas pessoas, para não sermos enganadas por elas. Só que, como disse no início desta reflexão, devemos tomar cuidado principalmente conosco, para que nós não sejamos agentes da Falsidade, pessoas que estejam sempre prontas a fazer inimizade entre irmãos, dizer algo que não é verdade ou simplesmente concordar com o que é errado só para ficarmos bem com os outros. O melhor sonífero, diz o Provérbio Popular, é a Consciência tranquila. E de fato se estamos bem com os outros, estaremos bem em nós mesmos e viveremos em um ambiente de paz.
           E mais uma vez: "Não importa o que os outros pensam de você, para Deus o que importa é o que você pensa e faz pelo outro". Que possamos orar como Jó, que sabendo que nunca agira com falsidade  (31-5), pede a Deus que o pese segundo suas obras.


terça-feira, 24 de março de 2015

Fim de noite

         
           Outro dia, vendo uma Entrevista antiga  de Moacyr Franco, cabei me deparando com uma frase que me fez voltar aos olhos para a Palavra do Senhor (I Reis 19). O  cantor afirmava que em determinada época todas as portas se fecharam em sua vida e ele se questionava por qual motivo tinha permitido que sua vida acabasse daquele jeito, cantando em circos distantes, sem tem para onde ir. Naquela noite chovia muito e enquanto ele se  despedia de algumas pessoas que ainda estava por ali, surgiu do meio da chuva um homem alto, todo milhado e perguntou-lhe seu nome. Ao confirmar que se tratava de Moacyr Franco, pediu autorização  par agravar uma música sua. Moacyr Franco, com a alma angustiada,  pensou que se tratava de algum sucesso seu. Mas não era uma música comum. Era "Seu Amor Ainda é Tudo". O homem que o procurara, João Mineiro, ouvira  a canção em Long Play antigo de sua namorada e  resolveu gravá-la. Resumo da história, João Mineiro e Marciano gravaram a canção, que estourou nas paradas e eles venderam quase 10 milhões de discos, ganharam 8 discos de ouro e muitos outros prêmios. E Moacyr Franco, que ficou naquela noite, chorando seu fundo de posso, sem saber que naquele momento sua vida mudaria, teve sua história de vida renovada.
            Para ele era fim de noite. Como era também para Elias. O profeta Elias estava vivendo o fim de sua carreira, uma mulher que adorava outro Deus, estava querendo vê-lo morto e ele não via mais ninguém para socorrê-lo, estava à beira da depressão, vivendo solitário, distante de todos, mas o Senhor se mostrou para ele e não foi de forma grandioso, não foi no meio da tempestade, nem numa aparição entre os galhos de uma sarça. Apareceu-lhe através de uma brisa, com voz suave, como uma voz interior, nada de sobrenatural. Mas era disso que Elias precisava naquele momento. Depois disto ele descansou seu coração, encontrou paz e saiu para resolver suas questões, já não pensando em quem o perseguia e sim preocupado em terminar sua Obra, em ungir um sucessor para si, pois os afazeres do Reino de Deus não acabam quando um soldado parte, outros deverão estar capacitados para dar continuidade.
            Enquanto Elias estava preso na caverna,   o que o amedrontava era  não era apenas  seus inimigos,  era também seu receio de não ter ninguém para continuar a caminhada quando ele já não pudesse fazer mais os afazeres de profeta.  Mas quando ele despertou de sua condição de derrotado, ergue-se e deu novo rumo aos seu caminho. A noite que tinha se abatido sobre sua vida e que se alongara, chegara ao fim, mesmo que ele não soubesse ainda, mas ele despertou de seus medos, ergue a cabeça, saiu da caverna e foi à luta. Ao agir assim, ele se colocou pronto a abençoar outras vidas e tudo se transformou. Elias desceu do monte com outro ânimo, refez seu caminho e sua sobras posteriores foram maiores que as anteriores, aquele que ele ungiu e deixou em seu lugar agiu de forma gloriosa, honrando o ministério que ele herdou de seu mestre.
           Estar  triste, desanimado e até depressivo em certas situações não é sinal de que estamos derrotados, é apenas a prova de que noites tristes existem para todos, mas ao amanhecer a resposta fiel virá da parte do Senhor. Não permita que  a noite que se abateu em sua vida determine o fim de seus sonhos, saia do  mesmo e abra seu coração para Deus, pois Ele pode mudar seu coração e te dar forças para mudar o resto. Não espere o sol surgir para começar a crer, creia antes de mais nada. Lembre-se que o salmista nos afirmou que o choro pode durar uma noite, mas que há esperanças de se te alegria ao nascer do dia.
   

segunda-feira, 23 de março de 2015

Como se adquire o Caráter de Cristo?

Formando o Caráter de Cristo


           Tem hora que 'fica na moda' algumas falas entre os que se dizem cristãos e a 'gíria' da vez é Ter o Caráter de Cristo. As pessoas acusam as outras de Falsidade e exigem que estas tenham o caráter de Cristo. Ledo engano. Não é tão fácil assim. Para se ter o Caráter de Cristo é necessário ser fecundado pelo Espírito Santo de Deus e, é aqui que as coisas apertam. Ninguém quer gerar o caráter de Cristo, poisa sabem que toda Gestação trás alguns dissabores, embora lá na frente se tenha alegrias  maiores.
          Para se ter um caráter como o de Cristo é necessário nos ''tornemos irrepreensíveis e sinceros, como filhos de Deus inculpáveis mesmo que vivamos ainda no meio de uma geração pervertida e corrupta e, entre ela sermos como luz que resplandece no mundo'' (Filipenses 2:15). O que tudo isso significa? Ora,  significa que quem tem o caráter de Cristo trás em si características fundamentais que o diferenciam do mundo:
  • Abandona o Pecado.
  • Tem seu caráter realmente trabalhado pelo Espírito Santo, pois permitiu que este se gerasse em si mesmo.
  • Vive de acordo com Palavra, pois ela é seu fundamento.
  • Tem um comportamento frutífero - ou seja, trás outros para a Luz com suas atitudes.
  • Não  se corrompe e vive como cidadão do Céu, mesmo quando vivendo em meio às trevas.
  • Não é egoísta, pensa também no seu próximo (Filipenses 2:12) 
  • Trás em si, em sua natureza as marcas genéticas do Caráter divino, uma vez que é nascido do Espírito (I João 3:9).
         Quem tem o caráter de Cristo experimenta a boa, agradável e perfeita vontade de Deus, simplesmente por não viver em conformidade com o Mundo (Romanos 12:1). E vivendo assim, apesar de estar no mundo, não se permite ser contaminado por ele.

Pastor Sergio Silveira 



domingo, 22 de março de 2015

Editorial




              Paz amados amigos.
              Esta semana não foi das melhores. O luto visitou nossa Igreja e a mãe de nossa amada irmã Clara nos deixou. Ainda estamos orando para que Deus console o coração de sua serva e pedimos orações aos amigos e irmãos, pois sabemos que o sofrimento de  nossa irmã Clara é duplo, pois além de perder a mãe, ela perdeu a pessoa de quem cuidava e como sabemos, os cuidadores geralmente sentem mais a partida de um parente, pois em alguns momentos sentem que na verdade falharam em sua ação. O que de forma nenhuma foi o caso de nossa irmã Clara.
             Bem, não nos prendemos nas tristezas. Elas fazem parte da vida. Falemos de vida.
             Nesta semana passaram por aqui Mensagens maravilhosas.
             Começamos a Semana com nossa amada Diaconiza Michelli de Souza falando sobre Casamento, mas não sobre qualquer Casamento e sim sobre o da Igreja com Cristo. Ali ela nos lembrava que precisamos estar  Prontos como Uma Noiva. E que alerta maravilhoso! Jesus mesmo deixou-nos claro que Ele não virá com avisos festivos e sim que sua volta se dará de modo surpreendente, quando todos estiverem sossegados e ainda mais, afirmou que muitos, até lá, já terão abandonado a Fé. Sendo assim, todo cuidado é pouco e sermos lembrado constantemente de que devemos estar preparados não é demais.
            Na Terça-feira  o assunto era sobre Família e também foi sério: Namoro Cristão. Lembramos que este assunto é social, é responsabilidade da Família e deve ser abordado claramente, para que os jovens não incorram em erros que podem trazer-lhes infelicidade. Lembramos que para iniciar um namoro o jovem precisa estar pronto fisicamente, emocionalmente, espiritualmente e profissionalmente,  pois Namoro não é brincadeira e é o primeiro passo para uma grande responsabilidade: O Casamento. se o jovem não pensa em constituir Família e não está pronto para isso, deve investir em seu crescimento e  esperar o momento certo para embarcar em busca desta responsabilidade.

         Quarta, foi a vez de afirmarmos: Você está errado. Nesta Mensagem abordamos o tema da Transferência de Responsabilidade, que não é um assunto novo por aqui. E muito menos novo no mundo, afinal desde o Éden os homens transferem a responsabilidade de seus atos aos outros. Nossa oração é para que todos nós, independente do credo religioso, tenhamos responsabilidade por nossos atos para jamais reclamarmos de suas consequências.
        Quinta-feira amanheceu triste por aqui. Na noite anterior houve o passamento da mãe de nossa irmã Clara, como citado acima, e falamos um pouco sobre esta mulher guerreira que é a membro  IPCO 0001.  Oremos mais por nossa amada irmã, para que Deus conforte seu coração.
         Já na  Sexta-feira a Mensagem foi mais reflexiva, falamos sobre algo especial, sobre a Oração dO Pai Nosso, Nesta reflexão lembramos que o Pai é NOSSO e não seu ou meu apenas e que quando oramos devemos também pedir para que outras pessoas - conhecidas ou não - sejam alcançadas pelas bênçãos do Senhor. Lembramos que estarmos unidos debaixo desta Paternidade maravilhosa nos iguala e somos todos iguais aos olhos do Senhor: filhos queridos que precisa de seus cuidados para encontrarem Nele forças para continuar a luta forte e sabendo que sempre temos um colo para voltar quando as coisas não saem como queremos.
        E para fechar a semana  nosso pastor nos trouxe uma Mensagem especial sobre a Mulher do Fluxo de Sangue. Mensagem maravilhosa! Nosso pastor nos lembrou que ao estar enferma, aquela mulher perdia sono e ficou sem sonhos e mesmo que ela estivesse presa em si mesma, em sua doença, ela estava com o orgulho ferido, com a alma doente pelo estigma social que a marcava frente aos seus compatriotas. Quando Jesus a curou, Ele também sanou as suas dores psicológicas, conversando com ela e lembrando-lhe que ela fora até Ele, que tomou a iniciativa e que sua coragem foi recompensada com Saúde e renovo da alma.

        Hoje, na Mensagem de Domingo, direto da Página Pessoal de nosso Pastor, o assunto é sobre Família, Oração e Resposta, onde mais uma vez ele agradece a  Deus por ter ouvido as orações de seus pais para que ele aceitasse ao Senhor Jesus como Único e suficiente Salvador de sua alma e, vai mais além e dá testemunho de sua Família, já que fala sobre a conversão de seu filho Diogo e sobre as bênçãos que o Senhor tem derramado em seu Lar.

sábado, 21 de março de 2015

Sem sono? Sem sonhos? - A Mulher do Fluxo de Sangue

     
       Sem sono e sem sonhos. Muitas pessoas vivem assim. Perdem a noção da importância de ter uma vida equilibrada e passam dias sem dormir de fato, sem deitar a cabeça para descansar, presas aos seus problemas, vão perdendo a capacidade de pensar em si mesmas enquanto seres especiais, embora ainda estejam presas a si mesmo, investindo em seus vícios e egoísmo, mas deixando de se cuidar. Muita gente ao ler estas palavras pode se perguntar se este é de fato um site cristão e se esta é uma Mensagem. Mas é. É um site cristão e esta é uma Mensagem.
       Mensagem de cura da alma. Deus nos quer livre de nossas enfermidades físicas e psicológicas e esta Mensagem tem a ver com alguém que você conhece: A Mulher do fluxo de Sangue (Lucas 8:43). Diz a Palavra que há 12 anos ela sofria com esta doença, que era um estigma, uma marca ruim de impureza, que a destoava das outras mulheres e a separava do povo. Ela estava presa a si, por sua doença física e estar presa ao seu estado doente adoeceu sua mente. Ela perdeu a capacidade de se ver como alguém especial, pois ela não era mais uma mulher exuberante, era doente. E a doença foi tomando conta de todos os seus sonhos e destruindo-os. Ao gastar tudo o que tinha para cuidar da Saúde, ela foi gastando também os bens que a satisfaziam, bens que supriam seus sonhos e os realizavam. Perdeu os amigos, perdeu todas as suas relações especiais para uma doença. Ela estava pensando em sua enfermidade como parte dela, uma parte que ela queria exterminar, mas mesmo assim era sua. Quantas vezes estamos também assim? Muitas pessoas dizem, por exemplo: "Minha pressão alta", "Meu estresse pós traumático", "Minha diabetes está alta". Estão doentes e tomando posse destas doenças como se fora bênçãos, bens para se acumular.  E por mais que estejam querendo libertar-se ainda estão presas às raízes destas dores, aos seus traumas, estigmas que mostram ao mundo sua condição de vítima de uma doença.
       Quando a mulher tocou em Jesus ela foi curada. Muitas pessoas podem glorificar por isso. Mas ela só tinha sido curada da doença física. A hemorragia estancou quando ela tocou em Jesus, MAS a doença da alma ainda estava lá. Doente da alma ela viveria o resto da vida marcada pela doença que tivera. E Jesus sabia disso. Quando ela tocou nas vestes do Senhor, Ele percebeu desprender-se de si virtude, mas sentiu também que aquele toque estava repleto de sentimentos vazios, de solidão, dor e desprezo. E isto pode ser visto no fato de que quando o Senhor falou à multidão, perguntando quem lhe tocara, ela não se manifestou. Tanto é assim que os discípulos afirmaram-lhe que fora a multidão que esbarrara no Senhor. E ainda deu tempo do Senhor insistir antes que ela resolvesse se manifestar. E quando ela se manifestou o fez como se fora uma serva qualquer, ela se prostrou, diz  a Bíblia que tremendo, ela que tentara se ocultar. E por qual motivo ela tentara ocultar sua cura? Pela marca que tinha na alma, afinal sabemos que para os hebreus ela era considerada imunda, pois assim dizia as leis cerimoniais. Estava presa em sua alma a cicatriz de sua dor e o Senhor a pressentiu e queria curar-lhe, esta seria a verdadeira cura daquela mulher e nem mesmo ela sabia disto.
      Quando Jesus disse-lhe: "Mulher, tende bom Ânimo", Ele estava dizendo-lhe: Tenha a ALMA curada. Ânimo, vem do original latino ANIMUS e significa Alma, Mente, pois está relacionado a ANIMA, ou ser vivo. Entendeu? Ter bom ânimo é também estar com a alma, a mente, o desejo a coragem sadios.  E para completar a cura Ele afirmou à mulher que ela fora curada por sua própria Fé, ou seja, por seu próprio desejo de ser curada e terminou dizendo-lhe: Vai em paz. sendo que ao dizer isso, estava lhe dizendo para esquecer todo o seu passado doentio e vivesse sua nova vida sem marcas, sem lágrimas por dores que já não existiam mais. Ou seja, curou-a por completo.
      Não esquecemos esta cura, mas jamais saberemos quem foi a mulher que Jesus curou, pois ele fez o serviço completo e ela deixou ali as marcas psíquicas da Enfermidade que tivera e foi viver sua vida, reconquistar sua capacidade de realizar os sonhos que voltaria a ter pois, curada na alma, esta estava livre para sonhar.
     

       Conclusão


     Quando Jesus curou aquela mulher, curou de fato, não deixou nenhuma marca das dores anteriores. Assim deve ser hoje. quando Deus entra em nossa vida e nos liberta de nossos pecados, devemos esquecê-los todos, devemos abraçar uma nova vida e reconhecer a Salvação como uma nova oportunidade, uma nova chance de viver melhor e diferente, libertos de todos os erros do passado e esquecidos destes, viver de forma a aproveitar a Nova História que Deus escreveu para nós. Faça como aquela mulher, livre-se de todo o mal que havia em sua vida e vá a luta com uma Nova Alma e viva em paz consigo mesmo.

Pastor   Sergio Silveira

sexta-feira, 20 de março de 2015

Pai Nosso

       

         Pai Nosso. É assim que inicia a mais famosa oração dos cristãos. Mas de quem é esse Pai e quem são estes que se denominam nós? Quem está sujeito à esta Paternidade tão grandiosa que abrange uma pessoa estendida: Nós? Nós não é uma porção de EU, é uma forma estendida ou pluralizada que alcança tu e ele, vós e eles. Mas isto é uma Mensagem ou uma aula de Gramática Gerativa? Bem, é uma Mensagem, mas as pessoas esqueceram o que quer dizer: Nosso.
         Nosso, significa que todos estamos debaixo desta Paternidade maravilhosa. Então somos nós e não  apenas EU. Assim, ao orarmos ao Senhor devemos nos lembrar de pedirmos também pelos outros e que este pedido seja sempre uma forma de todos vivermos em harmonia e amor. Toda esta oração é uma forma de nos lembrarmos as prioridades:
  • Deus que estais nos Céus.
  • Santificado Seja o Seu nome.
  • Venha a Nós o seu reino.
  • Seja feita a Sua Vontade
  • Assim na Terra como no Céu.
  • O Pão NOSSO de cada dia nos dai hoje.
  • Perdoai as nossas ofensas, assim como nós perdoamos aqueles que nos ofende. 
  • Não nos deixe cair em tentação
        Ficaremos apenas na primeira frase desta Oração: Pai Nosso que estais no Céu. Quando percebemos quem é nosso Pai e onde Ele está, acabamos por nos perceber como parte de um todo, sendo esta parte pequena e distante da força de Deus, de sua Autoridade e de sua  magnitude.  Quando percebemos quem é que guia quem e voltamos ao nosso lugar neste corpo, fazendo nossa parte para que ele esteja bem e que possa se equilibrar com  presteza, sendo útil em sua função. Só assim, deixamos d lado nosso Egoísmo e passamos a viver não apenas Unidos, mas  em função de um mesmo propósito que não envolve agradar apenas um, mas todos. 
       Nessa unidade não há diferença de grande e pequenos, ricos ou pobres, todos estamos vivendo centrados em um único propósito e ele não é e nem será egoísta, pois envolve o bem estar de todos. 
       O Pai é Nosso e orar para que ele interfira na vida de outro filho negativamente, por exemplo, é tentar manipular aquele que sonda e conhece bem os nossos corações, aquele que não quer e jamais fará o que ruim ao seu filho. 
       Pense nisso. E viva bem.  

quinta-feira, 19 de março de 2015

Luto - A mãe da irmã Clara faleceu

       
         Em 2011 nossa mada irmã Clara nos informou que iria diminuir sua participação na igreja por conta da Saúde de sua mãe. Atitude nobre, todos dirão. Mas nós que conhecemos a irmã Clara e sabemos de sua situação especial e de sua Saúde também debilitada, além de suas visitas quase diárias ao Hospital, por causa de suas pernas, sabemos que esta sua luta era muito pesada. Não a vimos um único dia reclamar ou desanimar. Seguiu cuidando de sua mãezinha até o dia de ontem, quando enfim sua mãe partiu. E embora tenha dito que diminuiria sua participação entre nós, nunca nos abandonou.
        A irmã Clara é uma instituição da IPCO-Guaianases, foi a primeira pessoa que nosso pastor Sergio Silveira trouxe para Jesus em São Paulo. É a membro IPCO 0001 de nosso Ministério e sempre esteve junto orando por nosso pastor em suas dificuldades e em todas as oportunidades participou, orando, em nossas Campanhas de Oração de Carnaval e do Círculo de Oração das Irmãs.
        Hoje é um dia de tristeza, pois o passamento de alguém que amamos e de quem cuidamos é sempre doloroso e envolve sentimentos desconfortantes. Que possamos orar por nossa irmã Clara, para que seu coração seja acalmado por Deus e que ela possa lembrar que fez todo o possível pelo conforto e bem estar de sua mãezinha.
       irmã Clara, seja envolvida por nosso amor e carinho. E que Deus conforte seu coração, amada.

PS. Na foto, a irmã Clara está atrás de nosso pastor e da irmã   Ednah Bispo, em um Casamento realizado em Dezembro de 2014.

quarta-feira, 18 de março de 2015

Você está errado!

       
           Já falamos algumas vezes aqui da mania que as pessoas têm de transferir responsabilidades. Ninguém erra mais e se alguma erro é descoberto responsabilizar a terceiros se torna automático. Tudo bem que não é novidade. No Jardim do Éden Adão e Eva também acusaram-se mutuamente por suas péssimas escolhas e ainda estenderam suas justificativas à Serpente.
           Devemos entender que assumir nossos erros é nossa responsabilidade e também nossa forma de respeitar o outro,uma vez que se acuso alguém que se quer deve algo, estamos desrespeitando e criando uma imagem negativa de alguém, que na maioria das vezes,  não pode se defender.Assumir os Erros envolve três passos: Humildade, Inteligência e Maturidade.

  •        Humildade -  É preciso ser humilde para reconhecer seu erro.  A Bíblia diz que o melhor é confessar e deixar para ser alcançado pela Misericórdia (Provérbios 28-13), mas declarar seu erro, sua falha ajuda o homem a perceber melhor suas próprias atitudes e reconhecendo suas fraquezas, ele se torna capaz de corrigi-las.
  •       Inteligência - E é através da Inteligência que a pessoa aprende  a    corrigir seus erros e enfrentar suas fraquezas. Ser tentado todos seremos, mas não podemos é ceder às tentações. A Inteligência é também o elemento essencial para aprendermos a evitar o mal, a vigiar (Mateus 26-41) para não cairmos nas tentações. A Bíblia afirma  que o homem que persevera na provação é Bem-aventurado, pois, segundo o pregador "depois de aprovado receberá a coroa da vida, que Deus prometeu aos que o amam". E ele ainda afirma de onde surge as tentações e, infelizmente, elas são criadas em nosso próprio desejo e só caímos nelas se nos deixarmos arrastar e nos permitirmos ser seduzidos por estes nossos desejos(Tiago 1:12-14).
  • Maturidade - Agora vem o melhor passo. A Maturidade é o que faz com que aprendamos com nossos erros. Afinal, é através das experiências que nos tornamos sábios e a nossa História é construída pelos obstáculos que vencemos, assim, nossos problemas são, na verdade, elementos importantes para  a nossa própria formação e para que nosso caráter seja lapidado. 
        O filho Pródigo é um excelente exemplo de pessoa que reconhece seu erro. Ele reconheceu suas atitudes errôneas, arrependeu-se, humilhou-se, voltou à casa de seu Pai e foi recebido com amor.   Foram os problemas que ele encontrou, consequência de suas péssimas escolhas, que fizeram com que ele olhasse para trás e desejasse mudar sua caminhada. Muitas vezes esquecemos que nossos erros criam situações que teremos que enfrentar e isso nem sempre será fácil. Que possamos aprender com nossos pequenos erros, para evitarmos que eles cresçam e nos destruam.

terça-feira, 17 de março de 2015

Namoro Cristão

           Estava me preparando para falar de namoro  e vi o quanto é complicado tocar neste assunto, uma vez que este assunto é muito difícil, pois envolve sentimentos e opiniões diferentes, e, claro, o modo que cada Família lida com ele.
           Cada Família tem um plano que envolve a idade com que seus filhos começarão a namorar. Só que poucas famílias conversam sobre isso com os filhos e assim, os adolescentes e jovens acabam crescendo sem um limite específico para algo importante  e que pode mudar muita coisa  na vida deles e dos familiares.
           A Bíblia diz que deve-se ensinar o filho no Caminho que ele deve andar e isso significa que dar limites, ensinar-lhe o que deve fazer, mostra-lhe a vantagem de seguir um projeto de vida saudável e que envolva conhecer alguém e se relacionar com ele em idade adulta, quando estiver pronto física e emocionalmente, além de ser capaz de cuidar de uma casa.
           A Família precisa, desde cedo  conscientizar os filhos da grande responsabilidade que é namorar. Namorar não é  apenas estar junto  de alguém por quem se tem simpatia, mas é um passo importante para o Casamento, assim, ficar se relacionando com diversas pessoas não é o correto a se fazer, uma  vez que isso não ajuda e, pelo contrário pode trazer mais problemas, uma vez que  apessoa pode acabar magoada e acabar se fechando para um relacionamento sério.
           Existem fases para tudo na vida e as pessoas precisam respeitá-las, sem pular nenhuma, mas o namoro deve sim ser evitado muito cedo. Os japoneses e coreanos, nas festas de aniversário de seus filhos perguntam qual vai ser o futuro de seus filhos, o que eles serão e o que farão de suas vidas, existem rituais belíssimos que envolve estas dúvidas, nós, nos achando muito liberais, cantamos, logo depois do Parabéns de criança de 1 ano: "Com quem será, com quem será, com quem será que ele vai se casar" e rimos quando uma criança de 5 anos aparece se dizendo apaixonada, achamos lindo a precocidade deles. Antes as pessoas se admiravam quando crianças de 5 anos liam, hoje isso não é importante, nossos filhos saem da quarta série sem saber ler e escrever corretamente, mas sabem bem namorar e beijar e ninguém acha mais errado. Os valores atuais são outros e são menos nobres do que os do século passado. A Evolução Social acabou por mudar em definitivo os valores éticos da Sociedade.
          Só que a sociedade pode mudar todos os seus costumes, mas a Igreja do Senhor, a Sua Santa Noiva deve manter-se separada dos costumes do mundo, deve investir no que é certo e no que trás a purificação da Família e ensinar as crianças a esperarem uma idade adulta para namorar é muito importante para manter o equilíbrio da Igreja e da própria Sociedade. A Família precisa ensinar seus filhos que para se namorar é necessário que  apessoa tenha algumas responsabilidades:

  • Seja Capaz de cuidar de uma Casa - Seja homem ou mulher, a pessoa precisa saber tomar conta da casa, arrumar, limpar, manter a organização, saber preparar a comida.
  • Ter um Emprego - A vida a dois trás gastos e não são os pais os responsáveis para bancar os passeios do novo casal. Os pais geralmente já bancam com toda a responsabilidade de cuidar e alimentar de seus filhos, assim, sair para comer fora ou ir a qualquer lugar é algo que o próprio jovem deve poder bancar e estar empregado é a melhor forma de fazer isto de forma honesta  e ética.
  • Estar preparado Emocionalmente. Uma pessoa egoísta, cheia de manias e irritadiça não está pronta a  se relacionar com outra. Os pais devem ensinar isso aos filhos, lembrando-os que  a pessoa  com quem eles vão se relacionar também são humanas e possuem sentimentos que deverão ser respeitados e levados em conta quando as coisas se complicarem. 
  • Estar pronto Fisicamente. Para uma pessoa começar namorar ela deve estar com  corpo adulto. Isso porque algumas destas pessoas não esperam o casamento para se relacionarem sexualmente e  assim, acabam por estarem envolvidos com uma gravidez. Uma gravidez que ocorra quando a menina ainda não está pronta para a maternidade, é prejudicial para seu corpo, que ainda não está formado. Mas os meninos também precisam estar prontos para este tipo de relacionamento.  
  • Ter uma saúde perfeita. As Famílias devem acompanhar o bem estar físico de seus componentes. E além de cuidar para que tenham sempre Saúde é aconselhável que incentivem para que continuem sadios. Os pais precisam ensinar os filhos  a manterem-se puros para o casamento, mas devem explicar que fazendo isso estes jovens estarão evitando de levar doenças para seus parceiros finais e assim, trazendo um equilíbrios  maior às finanças, evitando doenças prévias. 
  • Estar pronto Espiritualmente. O Namoro trás tentações sérias aos jovens e dar lugar aos desejos carnais é um risco contínuo para quem está namorando. O jovens precisam aprender a manter o equilíbrio de suas emoções e manter-se casto, pois Deus espera isso deles. A Igreja, os pais e os familiares devem ajudar ensinando os jovens manter o 'fogo' dos filhos, orientando-os a não saírem muito sozinhos e não ficarem com intimidades excessivas e não se permitirem liberdades demasiadas. 
      Quando ensinamos nossos filhos a respeitarem as outras pessoas, eles crescem sabendo que não se pode brincar com os sentimentos alheios e isso os tornam pessoas melhores, com princípios  corretos. Namorar no tempo certo é mais prazeroso e trás mais benefícios que malefícios, rar no t

Pense nisso  e viva bem.

segunda-feira, 16 de março de 2015

Pronto como a Noiva

        Hoje vamos falar de casamento. Mas não do casamento entre um homem e uma mulher.
No livro de Cantares,  capitulo 6, Salomão está falando de sua noiva - mulher amada -  e descreve  como ela é,como ele a vê., Então,  vamos para o lado espiritual: Cristo Jesus vê sua igreja como o noivo vê sua noiva, não essa ou aquela igreja pois para ELE não existe esse negócio de placa,isso é coisa do homem, para Deus somos uma só igreja.
        A igreja, que somos nós , nossa essência. Não como estamos vestidos ou financeiramente,mas nosso espirito - pois ELE nos vê como verdadeiramente somos 
.O casamento para ser realizado existe todo um ritual - convites, festa, roupas,comes e bebes,etc. O noivo se prepara para recebe sua noiva. Quando as portas se abrem todos ficam felizes por compartilharem deste grande evento,o noivo olha pra noiva e a vê como esta linda, formosa, única e como eles se completam.
       Imagine uma boca cheia de dentes,perfeitos,alinhados,brancos como da gosto de ver,mas quando um resolve nascer fora do lugar ou quando perdemos um ou outro faz uma diferença.Se estamos comendo uma maça ou um pedaço de carne esse determinado dente fará falta...assim é o noivo - Cristo - esta tudo pronto, mas cadê a noiva? Para ele faz falta quando sua igreja não esta completa. Imagine quando estamos nos preparando para o casamento se falta algo já achamos que tudo vai dar errado e acabamos brigando para que tudo saía perfeito. Se fazemos questão de brigar por coisa materiais imagine no lado espiritual. A luta é intensa para que sua Noiva - Igreja - esteja completa,linda,formosa,pura em toda sua essência. Se Cristo chegasse nesse momento e visse que faltou você...então infelizmente não haveria casamento pois a noiva não estaria lá!


Amém que Cristo possa te encontrar pronto para festa no grande dia.

sábado, 14 de março de 2015

Jesus ficava triste

           Ontem, ao postar a Mensagem aqui do site, sobre O Pão Nosso de Cada Dia, acabei por lincar uma Mensagem muito especial que nosso Pastor Sergio Silveira trouxe em um culto de Santa Ceia, em 2011, sobre Maria de Betânia. Maria era uma mulher bem à frente de seu tempo e que não se prendia aos costumes de sua época, mas que aceitava com alegria fazer parte das relações de amizade de um homem.
         Maria era uma mulher que estava sempre pronta a Adorar a Deus, entendia que Jesus viera para que todos fossemos salvos e assim, ela, sempre que tinha oportunidade, se prostrava aos pés do Mestre, para aprender dele e para lhe fazer companhia.
        Desde que esta Mensagem saiu passamos por diversas outras, mas esta nunca me saiu da mente, pois nosso pastor nos mostrou através dela o quão humano era nosso Jesus e como Ele estava sujeito aos mesmos sentimentos que nós: Desanimo, Tristeza, Solidão, Vergonha e Medo. Sempre que releio esta Mensagem percebo estas características de nosso Mestre e percebo que ao viver aqui, longe do pai, esta separação mexeu com Ele e estar distante daquele a quem Ele amava e pelo qual aceitou sofrer o suplício da Cruz, lhe era dolorido. Percebo também a importância dos amigos que Jesus angariou por aqui e como eles foram leias em seus momentos. Jesus não foi abandonado quando foi acusado de Traição, não foi deixado para trás quando foi condenado e quando sobrou apenas seu Corpo na Cruz, seus amigos ainda estavam  ao Seu lado, mesmo colocando suas próprias vidas em em perigo.
          Em nossos dias as pessoas dão mais importância para o gato ou o Cachorro e desprezam os outros seres que estão à sua volta e que são humanos, imagem e semelhança de Deus, criados por Ele para adorar e viver em amor e comunhão. Muitos cristãos se orgulham em dizer que a cada dia que conhece mais a Humanidade tem maior prazer em viver sozinho entre seus cães e gatos e esquecem que com isso estão deixando de lado o outro, desprezando seu semelhante e abandonando as relações humanas, isolando-se em seu egoísmo.
         É óbvio que sabemos que no mundo pessoas estranhas, desprovidas de sentimentos humanos, traidoras, insensíveis e com uma coleção de adjetivos negativos, mas devemos aprender com Jesus a se relacionar com todos, mas confiar nossos momentos de solidão e tristeza apenas com alguns, com aqueles que estarão sempre ao lado, afirmando a amizade, firmando laços e prontos a nos dar um ombro amigo, a nos ouvir e nos dar apoio ou conselhos, ou, como Maria Betânia, apenas estar próximo e nos acarinhar quando as palavras nos faltam e quando a alma está triste. Sim, a amizade de Maria de Betânia era especial porque ela não estava sempre pronta a receber, ela se preocupava em oferecer mais que pedir. E esse exemplo que ela nos deu, podemos levar conosco em nossas futuras relações.
         Pense nisso e viva bem.

Elisabeth Lorena Alves


PS. Leia A Mensagem que deu origem a esta reflexão, Maria de Betânia, sensibilidade Espiritual

Gratos pelo cometário

Siga-nos no Twiiter