Translate / Traduza

quinta-feira, 8 de março de 2012

Oração - O Exemplo de Ezequias

Porções Bíblicas
O Exemplo de Ezequias
Pastor Sergio Carlos da Silveira
Ezequias reinava sobre o povo de Deus. Sua fama se alastrava pelo mundo, mas seu corpo o traiu adoecendo.

Por aqueles dias o homem que representava Deus na terra era o Profeta Isaías e ele subiu à Casa Real. Tinha um ultimato a dar ao rei.
Suas palavras eram duras, mas ele era o enviado de Deus e não pensava em dizer outra coisa se não o que Deus mandara.

Põe a tua casa em ordem, porque morrerás e não viverás (Isaías 38), dizia o Senhor através de seu servo Isaías. Não era uma profecia condicional, era definitiva e o Profeta entregou como recebeu. Não floreou e nem enrolou, foi direto ao ponto.

Comunhão no Depósito

Quando Isaías se retirou da presença do rei, que estava acamado e o recebera ali em sua cama, este virou-se para a parede e orou ao Senhor, pedindo misericórdia, lembrando-lhe que até então vivera em comunhão com Deus.

Estava ainda nas terras reais o profeta Isaías quando o Senhor falou-lhe que voltasse a presença do rei. De novo profetizasse sobre sua vida. O Senhor ouvira a oração de Ezequias.

Ezequias foi curado e levantou-se novamente pronto para reinar e viver mais 15 anos.

Pense Nisto:

Quando mantemos nossa comunhão com o Senhor estamos na verdade acumulando um tesouro maravilhoso que poderá nos servir em um momento de desespero ou de dor. Nada melhor do que procurar viver em comunhão com Aquele que sabe de todas as coisas, mas que mesmo sendo grande em Glória e Poder, nos aceita como amigo.

O apóstolo Paulo mais na frente, no Novo Testamento, ensina a Timóteo e a nós também que nos apresentemos a Deus como alguém que não tem do que se envergonhar (II Timóteo 2-15). O rei Ezequias não tinha vergonha do que vivera até então porque sabia que vivera em comunhão com o Senhor.

Que possamos seguir-lhe este exemplo!

Gratos pelo cometário

Siga-nos no Twiiter