Translate / Traduza

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Intimidade com Deus

Intimidade com Deus
Leitura Bíblica

Uma coisa pedi ao Senhor, e a buscarei: que possa morar na casa do Senhor todos os dias da minha vida, para contemplar a formosura do Senhor, e inquirir no seu templo (Salmos 27-4).
Mais há amigo mais chegado do que um irmão (Provérbios 18.24)


Intimidade é ter uma relação de amizade, estreitamento de laços com uma pessoa especial. E Jesus, através de seu sacrifício na cruz, tornou livre nosso acesso a Deus. Laços estes que o próprio homem quebrou no Éden, quando desobedeceu ao Senhor dando ouvidos à serpente.
E ainda é o pecado que separa o homem de Deus e causa o fim, a morte deste em todos os aspectos da vida, em todas as relações, não só apenas entre o homem e Deus. Ir contra as regras sempre causa algum efeito negativo, trás sempre consequências que por mais conscientes, são inesperadas.
Muitas pessoas acreditam que ter intimidade com Deus é apenas obedecê-lo, seguir regras e algumas ordens dispersas, mas ter um relacionamento com Deus está ligado a algo mais, é procurar ter amizade de fato com Ele através do contato direto.
E como se dá este contato? Bem lei de novo o versículo 4 de Salmos 27: Uma coisa pedi ao Senhor, e a buscarei: que possa morar na casa do Senhor todos os dias da minha vida, para contemplar a formosura do Senhor, e inquirir no seu templo.


Passo a Passo?
Preste atenção, muita atenção: Primeiro devemos orar, falar com Deus sobre nossa intenção de sermos mais íntimos com Ele: Uma coisa pedi ao Senhor. Sim, o salmista queria estar mais próximo de Deus e resolveu seguir alguns passos. Primeiro ele pediu ao Senhor. Mas não ficou só nisto, ele deu mais um passo: e a buscarei. Sim, ele soube que não era apenas orar ao senhor e manter um diálogo solitário e sem sentido, sabia que tinha que ir além do pedir uma coisa, tinha que fazer a sua parte.
Orar é dever de todos os cristãos, saber o que pedir também, mas estamos aqui falando sobre estreitamento de relacionamento e isto leva mais tempo. Quando o salmista entendeu isto, afirmou que buscaria ter o que pediu. Só que querer viver em comunhão com Deus vai além do Pedir e Buscar, implica também em saber o que se quer desta relação. O salmista sabia. Ele queria morar na casa do Senhor todos os dias da minha vida, mas o que ele ganharia com isto? É isto que nós muitas vezes não entendemos. O salmista não queria nada para si, ele estava pedindo e buscando algo especial, afinal, contemplar a formosura do Senhor, é ter uma relação de amor com Deus. Sim, contemplar a formosura de uma flor,por exemplo, é ser tocado pelo que ela representa, mas não é estar preso a símbolos apenas, é mais real, afinal você pode tocar uma flor, pode sentir a doçura de um poema, sentir as notas de uma boa música. Assim, contemplar a formosura do Senhor, é viver Deus de forma plena, como vivemos com as pessoas de nosso dia – a – dia, que nos envolve por sua beleza. Qual é a maior característica de Deus? O Amor. A formosura do Senhor está no Amor que Ele teve e tem por todos nós, sendo nós ainda pecadores. O Senhor Jesus diz que Ele nos amou primeiro. Que amor é este? Deus nos presenteou com a Vida Eterna e nós abrimos mão dela quando criou o Homem, mas só homem caiu e perdeu esta vantagem, este benefício maravilhoso, que só pode ser refeito com a morte de um inocente. Deus, em seu Amor, deu-nos esta nova oportunidade através de seu filho Jesus, fomos a Ele religados, temos de novo direito a Vida Eterna. Este Amor é a Formosura de nosso Deus e é ela que devemos contemplar, mas não só contemplá-la, mas refletirmos, amando o próximo.
Viver na Casa do Senhor, representa exatamente o que desejamos, quando colocamos em nossos corações só desejos de vivermos em comunhão com Ele. Viver na casa de alguém é ter liberdade de chegar e abrir a geladeira, perguntar o que vai ter para o almoço, preparar o almoço e até, em algumas situações, colocar o lixo para fora. A única diferença é que para você entrar na presença de Deus, é necessário jogar o seu próprio lixo fora, livrar-se das bagagens o afasta de Deus, pois Ele é Santo.
Último passo: e inquirir no seu templo, inquirir é fazer perguntas, é aprender, querer ser íntimo de Deus é a melhor forma de aprendermos mais e mais sobre o que Ele é e representa. É impossível alguém viver uma verdadeira relação de amor com Deus, de amizade plena e se afastar aponto de perder a fé. Quem é íntimo do Senhor conhece sua verdadeira personalidade e deseja ser melhor a cada dia para ter algo igual ao Senhor. A admiração de um amigo, que não nos decepciona, só aumenta em nós, com o convívio e não se acaba.
Muitas pessoas apregoam sua situação de santidade, de intimidade com Deus, mas não aceita ser discípulo e, pior, não ama ao próximo. Se a prova de que somos seus discípulos é o amor que temos pelo próximo, é exatamente esta característica que não nos pode faltar (João 13-35).
A nossa união com Deus, através de Jesus só é possível quando aceitamos ao Senhor Jesus, ela se consolida através do novo nascimento, do procurar viver dia a dia com o Senhor e se perpetuará quando deixarmos este nosso corpo e, trajando apenas nossos corpos celestiais, estaremos afinal definitivamente com Deus, em nosso encontro final (1 Tessalonicenses 4:17).
Que possamos ter em nós o desejo real de vivermos em comunhão com Deus.
Aleluias! 

Gratos pelo cometário

Siga-nos no Twiiter